quarta-feira, 16 de março de 2016

Kinsa – Destaque gastronômico em Santiago do Chile

Comida típica chilena

Por: Adriana Aguiar Ribeiro

Em cada lugar que visitamos procuramos dar destaque aos estabelecimentos gastronômicos que de algum modo nos surpreendem.

Nossos últimos dias no Chile foram aproveitados em Santiago, onde fomos rever alguns lugares preferidos e visitar outros desconhecidos. Como de costume, não podíamos deixar de ir ao Barrio Bellavista, desta vez com o importante propósito de visitar La Chascona.

Para quem já foi ao Barrio Bellavista, sabe que o lugar reúne uma grande quantidade de restaurantes fabulosos. Em nossa última visita fomos ao Pátio Bellavista, onde encontramos um amigo para uns vinhos. Desta vez quisemos inovar e buscar no escuro um restaurante que nos agradasse.

O Kinsa nos atraiu pela sua fachada, anúncio de comida chilena e o ar-condicionado agradável,  em um dia de calor. Como de costume, pedimos o cardápio para conhecer os itens. Além disso, uma rápida olhada no ambiente nos cativou. Além de ser um lugar relaxante, o pessoal também foi muito cordial e receptivo.

O cardápio é tipicamente chileno e a comida preparada com capricho. Fizemos nosso pedido que incluiu uma salada de salmão e um pastel de choclo de camarão, ambos muito saborosos. De sobremesa pedimos uma surpresa de chocolate regada com frutas vermelhas embebidas no pisco, que me fez raspar a taça até a última gota. Não me recordo o nome desta sobremesa... Comprovamos que a comida deles é uma delícia!

Fora isso, o Kinsa funciona como bar, cozinha e mercado. Ao redor, há prateleiras expondo bebidas, doces, conservas, entre outros itens gourmet. A decoração é rústica e confortável e os preços são razoáveis.

Se você quiser provar boa comida chilena, este é um bom lugar.

Endereço: Constitución, 140 – Barrio Bellavista

Providencia – Santiago do Chile


Lembrando que o editorial de Viajando com Puny não recebe ajuda financeira, cortesias ou fun-tour de qualquer empresa de turismo. Qualquer estabelecimento ou companhia mencionados neste blog são avaliados de forma criteriosa e independente de qualquer vínculo, ficando o editorial livre para fazer críticas positivas ou não em seus textos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou desta matéria? Compartilhe aqui sua experiência com outros leitores!