domingo, 10 de julho de 2016

Razões para ir ao Jardim Botânico, Rio de Janeiro

Texto e Fotos: Vitória Paiva

Palmeiras Imperiais
540 mil metros quadrados. Mais de oito mil espécies de flores e plantas. Palmeiras tão altas quanto um prédio de quinze andares. Essa é a essência do Jardim Botânico do Rio de Janeiro, mais uma prova de que a Zona Sul, bem como a cidade carioca, tem excelentes pontos turísticos. O local abriga espécies raras da flora brasileira e do mundo desde 1808 (é o mais antigo do Brasil), quando também começou a acolher especiarias vindas do oriente. O jardim é enorme, então é bom reservar uma manhã ou tarde exclusivamente para o passeio, que custa apenas R$10 (inteira) ou R$5 (meia). 

Criado por João VI, o Jardim Botânico tem como charme principal as palmeiras imperiais. Mas também tem atrativos como lago de vitórias-régias, orquidário, roseiral, parquinho para crianças, estufas, chafariz e tantos outros... Ufa! Haja espaço para tanta beleza natural. Deixar de visitar esse belo jardim é dar mole. Há muitos cariocas que não conhecem o local e nem todos os turistas sabem da existência. Mas ir ao Rio e não ir lá é a mesma coisa que ir a SP e não ir ao Parque Ibirapuera. Prepare seu roteiro e inclua o jardim. Você irá se surpreender com certeza. Saiba como nos próximos parágrafos.

Micos
O Jardim Botânico abriga o Museu do Meio Ambiente, o Espaço Tom Jobim, o Centro de Visitantes, uma loja que é dirigida pela Associação de Amigos do bairro. São tantas opções diferentes que a gente se perde. Sim. Perder-se lá pode ser normal. Uma hora você se localiza. Uma dica que dou é: baixe o aplicativo do local, o Jardim Virtual (disponível para android e IOS). O app mostra os principais pontos e sugere caminhos. Não deixe de baixar.

Em meio às arvores e aos atrativos, macacos e micos podem ser avistados (fofura!). E eles circulam livremente pelo jardim. Não se espante ao ‘trombar’ com um. Mas atenção: não é permitido alimentá-los já que eles podem desconfiar e ‘agredir’ (informação do guarda florestal). Mas admirá-los caminhando pelo chão é algo muito fofo e que chama nossa atenção.

Além de admirar os macacos e plantas, o Jardim Botânico é uma boa opção para caminhadas, passeios com crianças (falei que tem parquinho, né?), piquenique com amigos e família e... para um book fotográfico! Sim. Muita – eu disse muita – gente escolhe o local para ser fundo do book de casamento, aniversário ou book pessoal justamente por conta da beleza que o cerca.

Vitórias Régias
Não é só o turismo que faz o jardim funcionar. Atualmente ele funciona como um instituto de pesquisa, sendo considerado patrimônio nacional pelo Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) e reserva da biosfera da Mata Atlântica pela Unesco. Interessante, né?

Enfim, o local é tão grande, tem tantas opções do que conhecer, que se eu fosse falar tudo aqui sairia como uma bíblia do turismo, rs. Então a recomendação que dou para você, que leu o post e se interessou em ir, é ler mais no site . Nada mais completo, né?


Dica: este passeio pode ser combinado com a Vista Chinesa.

Voluntariado


Ah! Sabia que você pode ser voluntário no parque? A ideia é que comece já nas Olimpíadas, mas posteriormente os voluntários serão escalados para monitorar visitas em períodos de alta temporada, feriados e finais de semana. A jornada é de 4h diárias e você pode ter acesso (para você e um acompanhante) ao local para uma visita fora do expediente. 



Serviço (extraído do site):


- Segundas-feiras: das 12h às 17h*
- Terça a domingo: das 8h às 17h*
* Durante o Horário de Verão, as bilheterias ficam abertas até as 18h.

O valor é de R$10,00 (inteira) e R$5,00 (meia). Somente em dinheiro. Cartões não são aceitos para entrada. Crianças até 5 anos não pagam.

Como chegar


O Jardim Botânico não possui estacionamento. É bom usar ônibus ou táxi. Há bicicletários e estacionamento exclusivo para pessoas com severas deficiências de locomoção (veículos adesivados); permitida entrada de carros para embarque e desembarque de pessoas com dificuldades de locomoção (deficientes, idosos, grávidas).

Endereço: Rua Jardim Botânico, 1008 

Um comentário:

  1. Já visitei mas me deu vontade de voltar. É lindo mesmo...

    ResponderExcluir

O que você achou desta matéria? Compartilhe aqui sua experiência com outros leitores!